sexta-feira, 11 de abril de 2014

Encerrar ciclos



Tão necessário e tão difícil... 
Principalmente quando não nos convencemos de que tais momentos já acabaram, continuo na busca por uma paz controversa, essa paz que eu não sei se quero, ( eu quero, mas tb quero a guerra que esse sentimento me provoca) a minha luta é diária, a travo todos os dias quando acordo e me rendo a noite quando vou deitar... As vezes tenho a ilusão que passou, mas não passa, no fundo eu sei que ele ainda está aqui. Talvez o caminho seja achar a cura ( só pode ser doença) e tenho a sensação que me livrar dele seria como tirar um órgão por opção; Como viver sem uma parte essencial??? O dilema continua....

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário ou recadinho.